19°/ 27°
Belo Horizonte,
20/DEZ/2014

Tire suas dúvidas

Envie sua pergunta sobre saúde, beleza e bem-estar que o Saúde Plena responde


Meninas virgens podem usar absorvente íntimo?

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Valéria Mendes - Saúde Plena Publicação:11/02/2014 14:18Atualização:13/02/2014 11:31
“O absorvente íntimo não vai romper o hímen”. A afirmação é da ginecologista e vice-presidente do Comitê de Ginecologia e Obstetrícia Infanto-Puberal da Associação de Ginecologistas e Obstetras de Minas Gerais (SOGIMIG), Ana Cristina Corrêia Costa. Para a especialista, o início da menstruação é uma oportunidade interessante para as meninas procurarem um ginecologista e esclarecerem as principais dúvidas sobre essa fase da vida. “Geralmente, as meninas têm medo e pode existir alguma dificuldade em introduzir o absorvente, mas quando aprendem é o máximo”, afirma. Culturalmente, segundo ela, a mulher brasileira tem muita dificuldade em se tocar mesmo em caso de uso de medicamentos, como o creme vaginal usado para tratar alguma infecção.

Uma dica que a ginecologista dá é que se o absorvente estiver incomodando é por que ele não está bem posicionado. “A mulher não tem que sentir nada. Uma sugestão que costumo dar às adolescentes é optar pelos absorventes íntimos que têm aplicador porque pode facilitar o uso”, diz. Como a menstruação restringe algumas atividades, a alternativa do absorvente íntimo amplia os horizontes. “Por falta de informação, muitas meninas acabam perdendo algum tipo de programa”, ressalta.

Apesar de ser carregado de simbolismos - que vão desde o romantismo à repressão sexual feminina - o hímen, não tem nenhuma função específica. Ana Cristina explica que a membrana fica localizada na entrada da vagina e que o absorvente passa por ela (veja o desenho para entender melhor). No entanto, como é muito pequeno não tem a capacidade de rompê-lo.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

Mas acessadas +